Acadêmicos de Arquitetura & Urbanismo realizam viagem de estudos a São Paulo

Os acadêmicos do curso de Arquitetura e Urbanismo, do Centro Universitário Uniftec, de Caxias do Sul, realizaram no mês de março, uma viagem de estudos a São Paulo, organizada pela coordenadora do curso, Ma. Vânia Maria Damin e pela professora Especialista Nadime Saraiva Rissi. A viagem contou com visitas técnicas a ícones da arquitetura brasileira e à maior feira de revestimentos do país, a Expo Revestir. Dentre as edificações visitadas houve maior enfoque na produção modernista, iniciando pela visitação da arquitetura do Bairro Higienópolis, onde foram contemplados exemplares como o Edifício Louveira (1946-1949), dos arquitetos Vilanova Artigas e Carlos Cascaldi; Edifício Bretagne (1952-1959), de João Artacho Jurado; Edifício Prudência (1944-1948), de Rino Levi e Roberto Cerqueira Cesar; Parque de Higienópolis (1962-1969) e Edifício Lausanne (1958), de Franz Heep.

Os acadêmicos do curso de Arquitetura e Urbanismo, do Centro Universitário Uniftec, de Caxias do Sul, realizaram no mês de março, uma viagem de estudos a São Paulo, organizada pela coordenadora do curso, Ma. Vânia Maria Damin e pela professora Especialista Nadime Saraiva Rissi. A viagem contou com visitas técnicas a ícones da arquitetura brasileira e à maior feira de revestimentos do país, a Expo Revestir. Dentre as edificações visitadas houve maior enfoque na produção modernista, iniciando pela visitação da arquitetura do Bairro Higienópolis, onde foram contemplados exemplares como o Edifício Louveira (1946-1949), dos arquitetos Vilanova Artigas e Carlos Cascaldi; Edifício Bretagne (1952-1959), de João Artacho Jurado; Edifício Prudência (1944-1948), de Rino Levi e Roberto Cerqueira Cesar; Parque de Higienópolis (1962-1969) e Edifício Lausanne (1958), de Franz Heep.

O grupo também realizou uma visita educativa à Casa Modernista (1896–1972), do arquiteto russo Gregori Warchavchik, seguida de um roteiro que viria a percorrer as 3 maiores produções da arquiteta italiana Lina Bo Bardi: a Casa de Vidro (1951), o MASP (1968) e o Sesc Pompéia (1977). Dentre a grande diversidade de obras que compõem o repertório arquitetônico de São Paulo também foram comtempladas obras como o Edifício Copan (1951), do arquiteto Oscar Niemeyer; a Biblioteca Mário de Andrade (1936), autoria de Jacques Pilon; MUBE – Museu Brasileiro da Escultura (1995), com Projeto de Paulo Mendes da Rocha e paisagismo de Burle Marx e a Pinacoteca do estado de São Paulo (1895), de Ramos de Azevedo.

De acordo com o relato da coordenadora, a viagem gerou e agregou conhecimentos: “A viagem oportunizou ao acadêmico a vivência e o conhecimento prático dos conceitos arquitetônicos, históricos, urbanísticos e paisagísticos estudados em sala de aula, através da visitação in loco dos espaços estudados, ampliando o conhecimento e reflexão sobre o ambiente construído e possibilitando a análise crítica quanto ao desenvolvimento urbano da cidade e seus elementos arquitetônicos e históricos patrimoniais”. Ainda segundo Vânia, os acadêmicos tiveram a oportunidade de observar, vivenciar, ampliar e reformular os conceitos arquitetônicos estudados no curso e despertar a consciência de que o entendimento da arquitetura exige viagens de estudo, olhares críticos e faz-se presente em todo lugar.

 

01 Visitação Expo Revestir, Transamérica Expo Center, São Paulo.

03 Visitação Sesc Pompéia, SP

02 MuBE | Museu Brasileiro da Escultura, SP.

04 Instituto Lina Bo e P. M. Bardi. Casa de Vidro, SP.

06

07 Pinacoteca do Estado de São Paulo, SP.

08

 

 

 

 

Ana Paula Boelter
Jornalista |Mtb 14263
Assessoria de Comunicação
Grupo UniFtec
54 3027 1300 R:599


Inscrições para o Vestibular Agendado www.fazftec.com

Compartilhe com alguém