Soft e hard skills: Por que desenvolvê-las?

  • 24/09/2021 às 11:20

Quando falamos sobre as habilidades que tornam um profissional apto para determinada função, quase imediatamente, pensamos nas capacidades técnicas que ele possui. De fato, essas habilidades são importantes, porém outro tipo de habilidade tem se tornado fundamental nos requisitos de um profissional desejado, as habilidades interpessoais. Você conhece a diferença entre soft e hard skills?

O que são hard skills?

São habilidades técnicas, ou seja, são capacidades específicas e diretamente ligadas com a função do profissional. Geralmente essas habilidades são adquiridas através de cursos de graduação, cursos livres ou estudos autônomos.

Exemplos de hard skills:

  • Fluência em um idioma;
  • Habilidade de programação;
  • Conhecimento em photoshop;
  • Domínio de técnicas ou cálculos
  • Cursos de capacitação
  • Certificação em determinado ramo

O que são soft skills?

São habilidades comportamentais, ou seja, dizem respeito ao seu comportamento social e emocional. São mais complexas de avaliar, independem de diplomas ou cursos, estão relacionadas com a personalidade do profissional.

Exemplos de soft skills:

  • Capacidade de liderança;
  • Resolução de problemas;
  • inteligência emocional;
  • Pensamento crítico;
  • Capacidade de comunicação;
  • Resiliência.

Qual a importância dessas habilidades?

Para conquistar a vaga desejada ou então para se tornar um profissional mais completo é necessário desenvolver ambas das habilidades. As hard skills irão te auxiliar na prática de sua atividade e proporcionarão maior notoriedade para os assuntos a respeito do seu trabalho, além de dar maior credibilidade ao seu currículo. Por outro lado, as soft skills auxiliarão nas relações com os colegas e no enfrentamento de dificuldades no trabalho.

Quando um candidato possui hard skills muito desenvolvidas, porém ainda necessita de grande evolução quanto as habilidades comportamentais, disputa uma vaga com um candidato que possui hard skills razoáveis, mas tem um perfil pessoal muito bom. O recrutador tende a selecionar a segunda opção pelo nível de desenvolvimento percebido nas entrevistas.

Como desenvolver essas habilidades?

Para as hard skills o método é mais simples, estudar! Uma graduação, pós ou cursos técnicos agregam grande valor e desenvolvem suas habilidades técnicas. Outra forma é o estudo individual, seja através de vídeos, leituras e experiências.

As soft skills exigem um pouco mais de atenção para serem desenvolvidas, em grande parte, partem do autoconhecimento. Afinal, devemos entender os pontos que necessitam evolução. Acompanhamento psicológico pode ser de grande ajuda para se autoconhecer.

A partir do momento que se compreendeu, basta desenvolver as capacidades que necessitam de evolução. A continuidade do acompanhamento psicológico, a meditação ou algum hobby semelhante e cursos que desenvolvem essas habilidades, como o de inteligência emocional, são de grande valor.

As 5 soft skills do futuro!

1. Resolução de Problemas Complexos;

Ser capaz de enxergar problemas complexos e construir soluções criativas demonstram confiança e assertividade em sua função, além de manter o ambiente de trabalho produtivo.

2. Pensamento Crítico;

Ser capaz de antever problemas/conflitos e projetar soluções eficazes para que eles não ocorram. Foca no olhar para o futuro e está sempre atento.

3. Criatividade;

Ser capaz de fugir dos padrões pré-estabelecidos, criar possibilidades e soluções inovadoras. Sempre atualizado, mantém a mente aberta para opiniões e oportunidades.

4. Gestão de Pessoas;

Ser capaz de ver o melhor que alguém pode oferecer e construir um ambiente propício para o desenvolvimento do mesmo e de toda a sua equipe. Administra conflitos, delega funções e assume compromissos, mas acima de tudo, sabe o potencial de cada indivíduo o compreendendo além das habilidades técnicas.

5. Coordenação em Equipe;

Ser capaz de enxergar as diversas possibilidades na criação de um time que trabalha em sinergia e proporciona um ambiente produtivo e saudável. Além de gerir uma pessoa, ter capacidade de gerenciar uma equipe.

Como apresentar minhas habilidades em uma entrevista?

No momento de realizar uma entrevista para uma vaga que você deseja, sua intenção é exaltar suas qualidades da melhor forma. Por isso, a melhor maneira de apresentar suas hard e soft skills é através do exemplo.

Além do seu currículo com suas capacitações, você deve citá-las de forma direta e exemplificar como elas auxiliaram você e sua antiga empresa. Uma ótima opção é contar algum projeto que você produziu ou fez parte. O recrutador pode solicitar que você comprove essas habilidades através de um teste.

As soft skills são um pouco mais complicadas de serem apresentadas por não serem tão palpáveis, mas ainda assim podem ser explanadas em uma entrevista. Transmita situações em que utilizou dessas habilidades e obteve resultados positivos. É importante destacar as vantagens que suas habilidades trouxeram para seu time ou sua antiga empresa.

As empresas podem auxiliar no desenvolvimento das soft e hard skills?

Sim, inclusive muitas empresas já possuem a preocupação de desenvolver seus funcionários. Palestras, treinamentos e programas de capacitação são algumas das ações que as empresas podem realizar para desenvolver as habilidades os profissionais. O auxílio com os custos de cursos profissionalizantes, de idiomas, de graduação ou de especialização.

Quanto as soft skills as empresas podem utilizar estratégias diferentes. Palestras para o desenvolvimento comportamental podem funcionar, workshops também são uma boa opção, pois proporciona ações práticas. Programas de acompanhamento individual, dando feedbacks frequentes sobre as habilidades desenvolvidas e orientando como pode melhorar e em que se destaca, também podem gerar resultados positivos.

Quais os benefícios que essas habilidades trazem?

As soft e hard skills geram muitos benefícios para o profissional e para a empresa. O profissional se aperfeiçoa, ganhando motivação e segurança para exercer sua função, produzindo mais e com maior qualidade. Além de ganhar maior valor para o mercado, já que possui capacidades técnicas e interpessoais.

Para as empresas, o desenvolvimento dessas habilidades em seus colaboradores gera maior produtividade. Com maior conhecimento técnico e emocionalmente saudável, o ambiente de trabalho se torna mais leve e consequentemente a motivação das pessoas aumenta.

As hard e soft skills são extremamente importantes e valorizadas pelas empresas, portanto é fundamental buscar constantemente se aprimorar em ambas as habilidades.

Compartilhe com alguém

Código de barras copiado